NE10

BLUES, ROCK E JAZZ

Sábado: Villa Ritinha recebe músicos Guto Santana e Phillippi Oliveira

Publicado em 08/12/2016 , às 15 h17

MARCOS OLIVEIRA NE10

Frente da Villa Ritinha, na Boa Vista / Foto: Dayvison Nunes/JC Imagem

Frente da Villa Ritinha, na Boa Vista Foto: Dayvison Nunes/JC Imagem

O gaitista/vocalista Guto Santana e o guitarrista Phillippi Oliveira se apresentam no próximo sábado (10) na Casa Cultural Villa Ritinha, na Boa Vista. Dentro do projeto da exposição Monomito, o duo musical será recheado de clássicos do blues, a partir das 18h. Através do projeto “Oi Blues by Night”, Guto teve a oportunidade de conhecer e dividir o palco com grandes nomes do blues nacional e internacional. Dentre eles os gaitistas Peter Madcat Ruth e Benevides Jr. da Banda “Mister Jack”, e os guitarristas Nuno Mindelis e Kenny Brown.

Monomito é uma jornada cíclica presente em mitos, segundo o antropólogo Joseph Campbell e busca inspiração no escritor irlandês James Joyce, que em seu último romance (Finnegans Wake - 1939) o chamou de "A Jornada do Herói". Com esse tema instigante, o conjunto exposto na mostra se propõe a nos levar à jornada de vários heróis, que, como intuía Joyce, são compelidos a abandonar a segurança do lar, partir para uma surpreendente viagem interior e retornar transformados. O texto de apresentação é do cantor e compositor Lula Queiroga.

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4

Exposição Monomito


Crédito: Dayvison Nunes/JC Imagem

Exposição Monomito


Crédito: Dayvison Nunes/JC Imagem

Exposição Monomito


Crédito: Dayvison Nunes/JC Imagem

Exposição Monomito


Crédito: Dayvison Nunes/JC Imagem

HISTÓRIA

 A Villa Ritinha fica localizada na Rua da Soledade entre a Manoel Borba e a Rua Barão de São Borja, no bairro da Boa Vista. Transformada em centro cultural, passa pelos últimos reparos para abrigar exposições e abrigar um café-bar. O casarão do século 19 foi adquirido pelo art designer alemão Klaus Meyer e tem estilo neoclássico.  A Villa Ritinha já foi um endereço da ostentação e do glamour recifense. O imóvel foi construído por um barão do açúcar de origem portuguesa, segundo o alemão Klaus e Ritinha teria sido o nome da esposa do barão. Um detalhe curioso é a presença de uma jaula no quintal da residência onde ficava um leão, símbolo de ostentação para os ricos da época.

PROGRAME-SE

Música e arte na Villa Ritinha

Quando: Sábado (10)

Hora: 17h

Local: Rua da Soledade, 35, Boa Vista

Entrada gratuita

Continue Lendo

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.

SERVIÇOSNE10


Vitrine NE10
Vitrine NE10
Fechar vídeo