NE10

EUA

Netflix lidera ranking de produção de séries originais em 2016

Publicado em 11/01/2017 , às 13 h36

NE10

 / Foto: Reprodução / Stranger Things

Foto: Reprodução / Stranger Things

Em 2016, os EUA bateram o recorde de séries originais transmitidas, com 455 títulos, e a Netflix lidera o crescimento de produção. Segundo pesquisa conduzida pela emissora FX, a transmissão de séries originais cresceu 8% em um ano e saltou 137% em 10 anos.

Com um investimento acima dos US$ 6 bilhões ( cerca de R$19 bilhões) em conteúdo original, a Netflix aumentou em US$ 800 milhões ( cerca de R$2,5 bilhões) no último ano seus gastos. O resultado disso foram 43 programas autorais, superando os 32.5 da CBS, os 25 da Fox, os 15 da HBO e os 14 da Amazon.

"O crescimento continuará esmagadoramente alimentado pelos serviços de streaming", considera o vice-presidente executivo de pesquisa da FX Networks, Julie Piepenkotter, em entrevista ao site Hollywood Reporter. Para ele, parece muito provável que o número de séries originais transmitidas chegará em cerca de 500 nos próximos anos.

Catálogo da Netflix diminuiu 50% nos últimos quatro anos

Os usuários mais antigos e atentos da Netflix já devem ter tido a impressão de que o catálogo de filmes do serviço de streaming diminuiu nos últimos anos. A informação foi confirmada pelo site Exstreamist, que foca exatamente neste tipo de empresa. Segundo o levantamento, a quantidade de filmes e séries disponíveis aos assinantes caiu 50% nos Estados Unidos nos últimos quatro anos.

Em 2012, os usuários tinham acesso a aproximadamente 11 mil títulos e esse número caiu para cerca de 5.300 em 2016, no país, conforme dados da Exstreamist. A retração coincidiu com a expansão internacional da empresa, que precisou lidar com os direitos autorais em diversos países, cada um com suas exigências e normas, o que é caro e trabalhoso. Fato que não existiria caso a Netflix fosse responsáveis pelas produções.

PALAVRAS-CHAVE: televisão entretenimento

Continue Lendo

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.

SERVIÇOSNE10


Vitrine NE10
Vitrine NE10
Fechar vídeo